VideoBar

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.

quarta-feira, 15 de agosto de 2007

Odeio a Hipocrisia...


Odeio
O Mundo na sua prepotência
Os estados totalitários
Tirânicos
Opressores dos oprimidos…

A má fé
Os sorrisos abertos
Dissimulados
Que aniquilam os outros…

As gentes
Que não sabem distinguir
A realidade da aparência
A sombra do arquétipo
A cópia do modelo…

As mentes transviadas
Eternamente extraviadas
Em pleno caos intelectual
Em permanente desvario
Mergulhadas em espaços quadrados
Onde as ideias
Permanecem inflexíveis…

Odeio
As pretensas acções morais
De todos os Narcisos
Que não sabem ser Eco…

A Humanidade
Pela ausência de solidariedade
Para com as causas mais nobres
Mas menos visíveis…

A propaganda enganosa
Que fez da caridade
Um verdadeiro momento de glória…

Odeio…
Odeio…

Odeio tanta coisa…
Neste Mundo que age
Inconscientemente
Em nome de vã glória…

Isabel Rosete
9/06/2007
5.50h
08/01/08
Enviar um comentário