VideoBar

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.

terça-feira, 25 de janeiro de 2011

Os mares tingem-se de Vermelho.

Não têm mais o Verde da Esperança,

Nem o Azul dos horizontes Infinitos

E livres.

Sobre os Homens praguejam!

Aos Homens imploram o regresso

Do Sal imaculado que a Vida e a Morte

Conserva e purifica.

Isabel Rosete

Enviar um comentário