VideoBar

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.

terça-feira, 15 de dezembro de 2009

Não me preocupo com o Ser
Do ser daquilo que é!

Porém, o vazio do espaço
E do tempo
Sempre me atrofia o cérebro,
Sempre trava os movimentos
Do meu corpo,
Languido.

Porque vos espantais?
Somos corpo e cérebro,
Puro complexo físico-químico!
Veias,
Sangue,
Células,
Átomos, moléculas…
E, também, mágoas!

Isabel Rosete
Enviar um comentário