VideoBar

Este conteúdo ainda não se encontra disponível em ligações encriptadas.

quarta-feira, 12 de março de 2008

Apaixono-me pela Vida
Quando me desvio
Do seu ritmo alucinatório…

Vivo intensamente
Cada instante
Como se fosse o último…

O presente
O imediato
Superam o passado
Apontam em direcção ao Futuro…

Nada impede esse meu desejo
De assim viver
De estar para além da mera sobrevivência
Mesquinha
Vexada
Das gentes de mente pequena…

Sinto a profundeza do Ser
De todas as coisas
De tudo o que se presentifica
E se oculta
Num tempo que não é o meu…

Isabel Rosete
03/09/07
16/02/08
Enviar um comentário